Escola do Amor Responde: sucesso na carreira e derrota no amor

Apesar de ser bem-sucedida na vida, uma americana de 50 anos relatou a uma rádio local dos EUA que não consegue ser feliz no amor. Ao ouvir a história da jovem senhora, os apresentadores do programa “A Escola do Amor Responde”, Renato e Cristiane Cardoso resolveram comentar sobre o assunto e também alertar outras pessoas para que não passem pela mesma situação.

Acompanhe o relato da americana abaixo:

Tenho 50 anos de idade e tenho quatro faculdades. Fui criada por uma mãe feminista e sem pai em casa. A minha mãe me disse para estudar ao máximo, para que eu pudesse sair pelo mundo e ganhar muito dinheiro. E este foi o caminho que segui. Eu ganho um bom dinheiro, não sou milionária, mas ganho o suficiente para sustentar a minha própria casa.

Eu quero dizer para as mulheres não seguirem no mesmo caminho. Todos os seus amigos vão se casar e ter filhos, e você vai estar trabalhando para competir no mundo. Homens não gostam de mulheres como concorrentes. Eles querem uma parceira e eu só entendi isso pouco antes de chegar aos 50 anos.

E é difícil encontrar um parceiro depois dos 40 anos para namorar, porque você também acaba perdendo sua autoconfiança sobre a sua aparência e o seu corpo. Não é igual quando você tinha vinte e poucos anos. Você tenta fazer o que pode para encontrar satisfação na vida.

Eu não quero que outras mulheres façam o que eu fiz.

Comentários dos professores

Após ouvir todo o relato, Cristiane explicou que aprecia muito a sinceridade da americana. E, além disso, entende que muitas mulheres se identificaram com o seu questionamento.

“Infelizmente, o fato de ela ter deixado a vida amorosa de lado, como lhe foi recomendado, não foi o correto,” disse.

Renato, por sua vez, deixou bem claro que isso não significa dizer que as mulheres não devam trabalhar, ter uma carreira, nada disso.

“A grande tragédia desta americana – que representa milhares de mulheres no mundo hoje, cujas mães foram extremamente sinceras e bem-intencionadas, pois pensavam que estavam ensinando o certo – acabou acontecendo porque ela seguiu à risca esses conselhos”, disse.

Isso é exatamente o que acontece – e tem acontecido – com tantas outras mulheres. “Elas obtiveram êxito no trabalho, mas não conseguiram se realizar no amor. Foram de um extremo a outro”, exemplificou Renato.

E continuou: “Dinheiro não é tudo na vida, o que você precisa é de afeto e carinho, mas sozinha não vai conseguir isso”, aconselhou o professor.

Fonte: Universal

Artigos Relacionados

Ler Mais Artigos

Terapia do Amor

The Love School

Casamento Blindado

Namoro Blindado

2018-12-28T10:54:43+00:00
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar