Você tem fé apenas para ganhar ou também está pronto para perder?

Entenda por que é necessário que você apresente os dois tipos de fé

A fé é imprescindível na vida do ser humano. Contudo, muitos não têm apresentado a qualidade de fé que se espera. O Bispo Edir Macedo falou sobre o assunto, em um vídeo publicado em suas redes sociais.

Ele esclareceu que uma pessoa deve ter fé para ganhar, sim, mas também para perder.

“A gente não tem fé só para ganhar, temos que ter fé para perder também. Fé para conquistar uma determinada bênção, mas fé também para sustentar-se quando perder um ente querido, quando você tem que dar a outra face, tem que andar mais uma milha, quando tem que perdoar. Você tem que ter fé para qualquer situação, do contrário, sua fé será aleijada, frágil e debilitada”, explicou o Bispo.

O Bispo ensinou que, para alguém encontrar a plenitude de Deus tem de, primeiro, apresentar uma fé “para perder a própria vida, perder para deixar de fazer a sua vontade, perder para fazer a vontade de Deus”, disse.

Abraão, segundo o Bispo, teve que ter a “fé de perder”, quando achou que perderia seu filho. Da mesma forma, o verdadeiro cristão deve ter esse tipo de fé. “Quando a gente entrega a vida para Jesus, tem fé para perder primeiro. [Ou seja], tem que perder para depois ganhar”, esclareceu.

E acrescentou: “Quando uma pessoa de Deus tem fé para ganhar, mas não tem fé para perder, então ela fica frustrada quando não ganha”.

Com isso, sua fé pode ser minada pelo diabo.

“O diabo joga uma casca de banana para a pessoa escorregar. Vêm as tentações, as dúvidas, os medos e as ansiedades que o diabo alimenta e se a pessoa só vive na fé de ganhar, ela não vai saber que aquele momento era para perder…”, discorreu o Bispo.

Fonte: Universal.org