Você errou, e agora?

Agora você terá que colher as consequências dos seus erros. Isso é um fato. Não queira se esquivar disso pedindo perdão, chorando, implorando para quem sofreu com o seu erro, que tudo volte ao que era antes. Nem com Deus é assim.

Na Bíblia, vemos vários exemplos disso. Quando Moisés tocou na pedra duas vezes mostrando sua incredulidade para com Deus, ele foi severamente punido por Deus e não pôde entrar na Terra Prometida. Mesmo depois de se desculpar, e ser tão fiel a Ele por todos os anos que passou no deserto, sacrificando, tolerando o povo e fazendo a vontade de Deus.

Mas Deus não havia perdoado Moisés? Sim, e daí?

Perdão não significa isenção de consequências. Moisés ainda pediu uma última vez para Deus deixá-lo entrar na Terra Prometida, e Deus disse não, mas o deixou ver de longe.

Quando você pede perdão pelo seu erro, você está dando um fim nele, só isso. A pessoa que não pede perdão dá continuidade ao seu erro, é por isso que ele não se dissolve com o tempo, como ela tanto quer. Ela pede perdão a Deus e pensa que tudo será resolvido, já que se “arrependeu” diante de Deus, só que não. O erro foi cometido contra alguém e, enquanto você não chegar até essa pessoa e pedir perdão a ela, ele não cessará.

Depois do pedido de perdão, então, vêm as consequências do seu erro. Você traiu, mentiu, enganou? Agora terá que lidar com a desconfiança e trabalhar para conquistá-la novamente, o que pode demorar um bom tempo.

Veja que perdão é extremamente importante para dar um fim ao seu erro, mas ele por si só não basta. E não pense que o tempo basta também, porque enquanto você não entender o que lhe fez errar, a dúvida sobre a sua verdadeira mudança continuará em pauta.

Depois do perdão, busque onde e quando foi que você começou a errar. Ninguém erra do nada, há um protocolo para o pecado. Começa na mente, através de uma ideia, um pensamento, um comentário, que vai dando lugar a outros pensamentos e outras ideias, que abrem espaço para certos “novos” comportamentos e hábitos, que chegam, finalmente, ao pecado.

Você foi perdoada? Agora volte lá atrás e veja onde a semente que deu vida ao pecado nasceu e onde ela está agora, e dê um fim nela.

Na fé.

2018-10-30T09:51:47+00:00
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar