Universal volta a dar vida em 2019

Fonte de Imagem: Adobe Stock

Em colaboração com o IPST, a Universal voltou a organizar mais uma iniciativa solidária de recolha de sangue no Templo Maior em Lisboa

Foi logo pela manhã do dia 14 de fevereiro que começaram a chegar pessoas vindas um pouco de toda a Grande Lisboa com um único objetivo em mente: dar um pouco de si para ajudar a salvar vidas. No decorrer da manhã, as instalações da sala de espera do Templo Maior em Lisboa tornaram-se pequenas para as dezenas de pessoas que iam chegando e partindo sempre com a alegria estampada no rosto e com a certeza de terem uma dádiva que ajudou, pelo menos, a salvar uma vida.

À medida que iam chegando, os dadores iam sendo recebidos pelas voluntárias da Universal e sendo encaminhados para fazer a inscrição junto das profissionais do Instituto Português do Sangue e Transplantação (IPST). De seguida, passavam pela triagem para ver se estavam aptos e, finalmente, dirigiam-se à sala onde faziam a doação de sangue. No final, todos tinham direito a um lanchinho para recuperar as forças e assim puderem regressar às atividades do dia a dia.

Solidariedade

Depois de três iniciativas solidárias organizadas conjuntamente com o IPST em 2018, mais precisamente a 25 de janeiro, a 13 de fevereiro e a 2 de agosto, com a participação de centenas de dadores e a recolha de centenas de bolsas de sangue, a Universal não quis deixar de dar continuidade a esta prática, podendo contabilizar desta feita mais algumas dezenas de bolsas de sangue arrecadadas e deixando no ar a promessa de que ao longo de 2019 mais doações de sangue irão ser organizadas nas instalações da Universal, a fim de continuar a ajudar a salvar vidas.

Bernadete Barbosa

“Venho dar sangue pela segunda vez e para mim este é ato é muito importante porque, afinal, sangue é vida. Para mim é uma honra poder fazer isto e se pudesse fá-lo-ia todos os dias, pois sei que estou a ajudar a salvar vidas. Para mim esta iniciativa do Centro de Ajuda é muito importante e se houver mais iniciativas como esta irei estar sempre presente para ajudar os outros.”

Bernadete Barbosa

“Venho dar sangue pela segunda vez e para mim este é ato é muito importante porque, afinal, sangue é vida. Para mim é uma honra poder fazer isto e se pudesse fá-lo-ia todos os dias, pois sei que estou a ajudar a salvar vidas. Para mim esta iniciativa do Centro de Ajuda é muito importante e se houver mais iniciativas como esta irei estar sempre presente para ajudar os outros.”

Olga Amaral

“Costumo dar sangue e, normalmente, faço-o no Centro de Ajuda. Para mim é muito importante fazê-lo porque sei que estou a dar vida e a ajudar aquelas pessoas que estão mesmo necessitadas, seja por causa de um acidente, de uma cirurgia… Sempre que tiver condições, houver necessidade e for chamada pelo Centro de Ajuda virei com todo o gosto ajudar!”

Olga Amaral

“Costumo dar sangue e, normalmente, faço-o no Centro de Ajuda. Para mim é muito importante fazê-lo porque sei que estou a dar vida e a ajudar aquelas pessoas que estão mesmo necessitadas, seja por causa de um acidente, de uma cirurgia… Sempre que tiver condições, houver necessidade e for chamada pelo Centro de Ajuda virei com todo o gosto ajudar!”

Patrício Gonçalves

“Já fiz várias doações de sangue e sempre que sou chamado para este tipo de iniciativas do Centro de Ajuda compareço. Se eu tenho condições para o fazer, estou sempre disposto a ajudar quem precisa de sangue e é uma alegria para mim fazê-lo. Acho que todos aqueles que têm condições de saúde para o fazer deviam contribuir com o seu sangue para ajudar quem precisa. Eu estou sempre pronto para dar vida aos outros!”

Patrício Gonçalves

“Já fiz várias doações de sangue e sempre que sou chamado para este tipo de iniciativas do Centro de Ajuda compareço. Se eu tenho condições para o fazer, estou sempre disposto a ajudar quem precisa de sangue e é uma alegria para mim fazê-lo. Acho que todos aqueles que têm condições de saúde para o fazer deviam contribuir com o seu sangue para ajudar quem precisa. Eu estou sempre pronto para dar vida aos outros!”

Tiago Manuel

“Costumo dar sangue de quatro em quatro meses e sempre que o Centro de Ajuda organiza iniciativas como esta estou presente. É muito importante dar sangue, pois assim estamos a cuidar de outras pessoas e sentimo-nos úteis ao estarmos a ajudar e a contribuir para um bem maior.”

Tiago Manuel

“Costumo dar sangue de quatro em quatro meses e sempre que o Centro de Ajuda organiza iniciativas como esta estou presente. É muito importante dar sangue, pois assim estamos a cuidar de outras pessoas e sentimo-nos úteis ao estarmos a ajudar e a contribuir para um bem maior.”

Tomazia Brito

“Costumo vir às iniciativas de doação de sangue que o Centro de Ajuda organiza porque é muito importante ajudar as outras pessoas que estão a precisar. Havendo uma necessidade cada vez maior de sangue e uma quantidade cada vez menor armazenada é fundamental haver mais iniciativas como esta. Por isso, se for chamada mais vezes, com certeza, virei, pois dar sangue é estar a dar vida!”

Tomazia Brito

“Costumo vir às iniciativas de doação de sangue que o Centro de Ajuda organiza porque é muito importante ajudar as outras pessoas que estão a precisar. Havendo uma necessidade cada vez maior de sangue e uma quantidade cada vez menor armazenada é fundamental haver mais iniciativas como esta. Por isso, se for chamada mais vezes, com certeza, virei, pois dar sangue é estar a dar vida!”