Seja feita a Sua Vontade e não a minha

Domingo após domingo, pela manhã, centenas de pessoas lotam o recinto do Templo Maior em Lisboa em busca dos ensinamentos divinos que ajudarão a transformar e a moldar as suas vidas

Partindo da passagem bíblica de João 12.1-6, o Bispo Domingos Siqueira falou a todos os presentes no passado dia 26 de maio, pelas 9h30, no Templo Maior em Lisboa sobre o caso de Judas, que tinha sido infiel e dono de um caráter classificado como um dos piores possíveis, pois este roubava, tendo terminado os seus dias enforcado. “Não é à toa que muitas pessoas vivem ‘enforcadas’ de problemas, de dívidas, tudo por terem tocado no que é de Deus. E como é que Deus pode dar o Seu Espírito a alguém que não consegue ser fiel?”, questionou o orador.

Afinal, a fidelidade do cristão é a demonstração de que Deus é o primeiro na sua vida, “representando o primeiro mandamento ‘Amar a Deus sobre todas as coisas’, enfim, tudo o que Judas não tinha, nem era… acabando por ter o fim que ele próprio provocou. Tal como as pessoas que reclamam da vida que vivem mas são elas próprias que a determinam através das suas atitudes em relação a Deus”, concluiu.

Amar o próximo

De seguida, o Bispo Domingos abordou a questão do amor ao próximo: “Quando você passa para outra pessoa o bem que você recebeu, Deus agrada-se de si e abençoa-o muito mais. Quando você pensa no seu próximo, ajudando alguém que está aflito, do Céu há um Deus que recompensa aquele que se lembra do seu próximo. Quando você fala do Pão da Vida, que é Jesus, você vai saciar a fome dessa pessoa para sempre. Por isso, quando vir uma pessoa sofrida, fale de Jesus para ela e convide-a para vir à Casa de Deus no próximo domingo, pelas 9h30”.

Pai Nosso

Através da oração presente em Mateus 6.9-13, o Bispo Domingos explicou que quando o Senhor Jesus nos ensina a pedir a Deus para fazermos a Sua Vontade aqui na terra assim como é feita no Céu, Ele mostrou-nos o segredo da vida, para que sejamos salvos e bem-sucedidos em tudo aquilo que fizermos.

“Um dos maiores problemas do ser humano é precisamente submeter-se à autoridade, porque como acha que é livre pode fazer o que quiser e não tem de se submeter a ninguém. Mas quando agimos dessa forma em relação a Deus agimos como seres irracionais”, explicou o orador. Contudo, Deus deu-nos inteligência, por isso, quem tem uma fé inteligente busca submeter-se à Sua Vontade. E a Vontade de Deus é que abandonemos uma vida de pecados, que Lhe desagrada, contrariando-nos a nós mesmos e desagradando aos outros, a fim de que possamos herdar a vida eterna. “Aqueles que fizerem a Vontade de Deus serão salvos!”, concluiu.

Galeria de Fotos

Setembro 2019

Todos a querem… até você!

Quase a metade do propósito que tem movimentado a fé de todos os que aos domingos acorrem ao Templo Maior, a reunião de domingo 9h30 foi mais um exemplo de que a fé, verdadeiramente, move montanhas e vence todas as injustiças

Ler Mais Artigos
2019-05-28T14:33:24+00:00
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar