Os humilhados serão exaltados

Todos nós já passámos por problemas e situações que nos deixaram envergonhados aos olhos dos outros, mas sempre tivemos duas opções: conformarmo-nos ou revoltar-nos, fazendo uso da fé inteligente

“Afrontas vêm para todos nós”, foi desta forma que o Bispo Domingos Siqueira deu início à mensagem de fé transmitida no Templo Maior em Lisboa, este domingo, dia 7 de abril, pelas 9h30. Tendo explicado, em seguida, a todos os presentes que a afronta é uma ofensa pública, que acontece quando, por exemplo: surge um problema no casamento e todos os familiares ficam a saber disso; quando um empresário vai à falência e todos comentam; quando uma pessoa contrai uma doença grave e fica exposta num hospital, dependendo dos outros para tudo.

“As doenças afrontam ao Senhor Jesus porque Ele carregou no Seu corpo as nossas enfermidades, então, a doença é uma afronta ao Senhor que sara; a miséria, o desemprego e a falência é uma afronta ao Senhor que é Dono do ouro e da prata; o divórcio é uma afronta ao Deus que criou o casamento. Os problemas afrontam diretamente a Deus porque se você crê n’Ele e tem falado para as outras pessoas dessa fé, mas se a sua vida não condiz com a Palavra de Deus, então, as pessoas vão afrontá-lo”, explicou o orador, continuando, “Deus permite que venham as lutas para que haja uma revolta, mas o problema de algumas pessoas é que elas não se revoltam contra a situação que estão a viver. Por isso, nós temos que manifestar a nossa fé para que Deus venha manifestar o Seu poder na nossa vida”.

O livramento

Em 2 Reis, 19.1, é-nos relatado que depois de o rei Ezequias ter ouvido as afrontas, rasgou as vestes reais e colocou um pano de saco, humilhando-se assim diante de Deus. “E é isso que todos de nós temos de fazer deixando de ser orgulhosos e humilhando-nos diante de Deus”, sublinhou o Bispo.

“Recebendo, pois, Ezequias as cartas das mãos dos mensageiros e lendo-as, subiu subiu à casa do SENHOR (…) E orou Ezequias perante o SENHOR e disse: (…) Inclina, SENHOR, o teu ouvido, e ouve; abre, SENHOR, os teus olhos e olha; e ouve as palavras de Senaqueribe, que enviou a este, para afrontar o Deus vivo. (…) Agora, pois, ó SENHOR nosso Deus, te suplico, livra-nos da sua mão; e assim saberão todos os reinos da terra que só tu és o SENHOR Deus” (2 Reis 19.14.19).

Naquela mesma noite, Deus enviou um anjo e destruiu completamente o exército do rei Senaqueribe e este foi derrotado. “Humilhe-se perante Deus, pois assim como Ezequias se humilhou perante Ele e Ele o livrou, assim também Ele o socorrerá e lhe concederá o livramento”, salientou o orador, acrescentando, por fim: “Quando Jesus falou sobre a humilhação disse que os que se exaltam serão humilhados, mas aqueles que se humilham serão exaltados. Por isso, domingo que vem vamo-nos humilhar diante de Deus e Ele nos exaltará!”

Galeria de Fotos

2019-04-08T16:58:28+01:00
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar