“Não consigo me adaptar aos filhos do meu companheiro”

No A Escola do Amor Responde desta semana, os professores Renato e Cristiane Cardoso respondem a pergunta da aluna Vanessa. Ela está em um relacionamento com um homem que tem quatro filhos de outro casamento e com dificuldades de conviver com eles. Confira.

Vanessa – Estou em um relacionamento há três anos. Nós dois já fomos casados. Ele tem quatro filhos do primeiro casamento, todos maiores de idade, e eu tenho um pequeno. Um dos filhos dele morou conosco por um tempo. Nessa época, ele me humilhava e chegou a me enfrentar dentro de casa. Depois disso, ele ficou um bom tempo fora de casa. Enquanto ele esteve fora, estava tudo bem. Agora ele voltou e eu não aguento mais viver com ele dentro
de casa. Não temos um bom relacionamento. O que eu faço?

Renato – Vanessa, muitas pessoas se divorciam por não aguentarem mais lidar com os problemas do relacionamento. E, na tentativa de resolverem essa situação, saem do casamento e não param para pensar no que vão enfrentar depois.

Cristiane – No seu caso, Vanessa, você está enfrentando problemas com os filhos do atual companheiro. Para eles, é como se o pai tivesse colocado uma mulher no lugar da mãe deles. O fato de que ele esteja divorciado não interessa para os filhos. Eles sempre vão ter dificuldades com a nova pessoa que está com o pai. Isso acontece normalmente.
Você tem que saber lidar com essa reação, pois faz parte de uma nova família e está “no lugar” da mãe deles. Você foi morar com um homem que tem quatro filhos adultos. Então agora também vai ter de saber lidar com eles.

Renato – Você com certeza subestimou a situação, Vanessa. E, pela foto que está em seu perfil do WhatsApp (pelo qual enviou sua pergunta), você parece ser bem jovem. Provavelmente, os filhos de seu companheiro, os rapazes e as moças, têm quase a mesma idade que você.

Cristiane – Isso torna o cenário ainda pior porque na cabeça deles talvez esteja aquele pensamento de que o pai trocou a mãe por uma mulher muito mais jovem.

Renato – Então, Vanessa, você tem que reavaliar o que está fazendo, principalmente porque tem um filho pequeno. Será que você precisa disso? Será que você não colocou na boca mais do que podia mastigar? É o que, a princípio, parece. Senão fosse isso, você saberia lidar com essa situação.

Quando as pessoas pulam algumas fases do relacionamento, acontece exatamente isso e esse deve ser o seu caso.

Você está com ele há três anos e já estão morando juntos. Parece que não houve uma conversa a respeito dos filhos dele e que não combinaram nada se eles iriam ou não morar com vocês, já que um deles foi embora e voltou.

Nossa orientação para você é que avalie se realmente precisa passar por tudo isso, já que não é casada. Veja se você quer realmente enfrentar essa situação. E, para isso, você vai precisar de ajuda. Procure a Terapia do Amor em uma Universal mais próxima de você. As palestras vão ajudá-la muito.

Fonte: Universal

Artigos Relacionados

Ler Mais Artigos

Terapia do Amor

The Love School

Casamento Blindado

Namoro Blindado

2019-02-11T10:45:35+01:00
Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar