A carregar Eventos
Este evento já decorreu.

Famílias enfrentam o dilúvio no século XXI

Doenças, toxicodependência, discussões, separação, divórcio, delinquência, violência, abuso sexual… existem vários dilúvios a acontecer em milhares de famílias em todo o mundo, submergindo-as até à destruição

Inundado pelo verdadeiro caos… é neste estado que o mundo se encontra, especialmente a célula mãe que compõe a sociedade: a família. Dia após dia, vemos nas notícias um registo constante dos graves problemas que têm afetado o núcleo familiar, não só a nível nacional, mas também um pouco pelo resto do mundo.

Vícios em drogas ou no jogo, roubo, discussões, mentiras… ameaça de separação ou pedido de divórcio que culmina em violência doméstica que tantas vezes acaba na morte de um dos cônjuges… basta ligar a televisão nas notícias para nos darmos conta do estado atual das famílias. Os números não mentem, só em 2018, a violência doméstica esteve na base de 37 por cento dos homicídios ocorridos, sendo importante referir que as mulheres que foram mortas não estavam referenciadas pela Associação de Apoio à Vítima (APAV), o que significa que muitas vítimas continuam a sofrer em silêncio.

Infelizmente, é no ambiente familiar onde são cometidas e silenciadas as maiores atrocidades, sem que as autoridades ou até mesmo os espetadores inocentes possam fazer algo para o impedir. Porém, há milhares de anos atrás, o mundo estava a atravessar a mesma destruição, degradação moral e ameaça ao núcleo familiar. E, mais uma vez, no meio de milhões, apenas um homem se destacava e, por ele ser tão justo e íntegro, Deus decidiu salvar não só a ele, mas a toda a sua família.

“Noé era um homem justo e íntegro entre os seus contemporâneos; Noé andava com Deus.” (Gn 6.9) Noé tomou uma decisão que o fez evidenciar-se entre os seus contemporâneos: ele decidiu crer, e porque ele creu, obedeceu! Ele deu o primeiro passo!

“Assim fez Noé, consoante a tudo o que Deus ordenara.” (Gn 6.22). E o que é que Deus ordenara? Que, se ele cresse, viesse a construir uma Arca! Esta construção, que veio a custar a Noé 120 anos da sua vida, exigiu um voto de extrema confiança depositado em Deus!
Noé sabia que toda a sua família corria risco de vida, e, como homem justo que era, tinha que lutar por eles, tal como cada um de nós deverá fazer hoje em dia! Por isso, exerça esse poder que existe em si! Faça a sua parte, livrando a sua família de todos os dilúvios que a têm ameaçado! A sua oportunidade está a ser colocada diante de si, não a rejeite!

“Disse o SENHOR a Noé: Entra na arca, tu e toda a tua casa, porque reconheço que tens sido justo diante de Mim no meio desta geração.” (Gn 7.1)

SEMANA DA FAMÍLIA
De 9 a 16 de Fevereiro
Domingo 9h30

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Aceitar