Casamento e Salvação

Quem em sã consciência destrói algo de grande valor?
Protegemos e cuidamos de tudo aquilo que é importante.

Se protejo e cuido do meu casamento, na realidade, protejo e cuido da minha alma.

A alma é o que existe de mais importante para cada um de nós, ou pelo menos deveria ser para todos.

Assim, o que adultera com uma mulher é falto de entendimento; aquele que faz isso destrói a sua alma. Provérbios 6.32

Os faltos de entendimento são aqueles que não têm juízo, são loucos e, nesse caso, acabam cooperando com o trabalho do diabo que é destruir a alma, fazendo-a perecer no inferno.

Devemos evitar tudo aquilo que possa prejudicar o nosso casamento, destruindo assim a própria alma.

Já não se trata apenas da pessoa que está ao nosso lado, mas principalmente da nossa Salvação.

Se algo tem colocado em risco o seu casamento, o mais depressa possível, deve ser ELIMINADO! A eternidade com Deus depende disso.

As águas da fonte e do poço do seu casamento devem estar sempre em movimento constante.
Elas não podem parar!

Bebe água da tua fonte, e das correntes do teu poço. Provérbios 5.15

Casamento e Salvação, um depende do outro.

Colaborou: Bispo Djalma Bezerra

Fonte: Bispo Macedo

 

 

Em Espírito…

É possível viver em Espírito, enquanto a carne saboreia os prazeres do mundo?
- Bispo Edir Macedo