A água da vida

“Mas aquele que beber da água que Eu lhe der nunca terá sede, porque a água que Eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna.” (João 4.14).

Quando uma pessoa é batizada e selada com o Espírito Santo, obrigatoriamente tem que jorrar vida de dentro dela e não lamentos, reclamações e lamúrias. Quando a pessoa tem o Espírito Santo, ela sempre tem algo para dar, pois o Espírito de Deus está dentro dela.

Se você diz que tem o Espírito Santo, mas sua vida está travada, amarrada, então há algo errado com você. Quando uma pessoa tem o Espírito Santo, é impossível que ela seja vazia e lamentosa ou alguém que esteja sempre reclamando e contando para os outros suas desventuras e problemas. Quem tem o Espírito Santo tem vida.

Deus prometeu em Malaquias 3.18: “vereis a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus, e o que não O serve”. Então, tem que ter essa diferença, porque, como Ele diz, “do interior de quem crê em Mim, fluirão rios de água viva”. Que rios têm fluido de você? O que você faz em sua vida espiritual?

Se uma pessoa fala “abobrinha” e os assuntos dela dizem respeito às coisas deste mundo, como moda, artistas, novelas e filmes, é porque ela é vazia. Quem é cheio do Espírito Santo transborda Palavras de Deus.

Quando uma pessoa transmite dúvidas ou está sempre chorando e desanimada, ela não tem o Espírito Santo. Ela pode até ter a vestimenta de pastor, bispo, obreiro ou missionário, pode ter o título disso ou daquilo, mas, se não tiver o Espírito Santo, é uma fonte de morte.

O que você precisa fazer é buscar o Espírito Santo, orar e se entregar a Ele, pois ninguém pode fazer isso por você. Para ter a totalidade de Deus, é preciso entregar a totalidade de si. Deus tem que estar em primeiro lugar em sua vida.